24 agosto 2013

Poema de: Charlie Chaplin


Poema de: Charlie Chaplin

"Sorri quando a dor te torturar
E a saudade atormentar
Os teus dias tristonhos vazios

Sorri quando tudo terminar
Quando nada mais restar
Do teu sonho encantador

Sorri quando o sol perder a luz
E sentires uma cruz
Nos teus ombros cansados doridos

Sorri vai mentindo a sua dor
E ao notar que tu sorris
Todo mundo irá supor
Que és feliz."


Charlie Chaplin

Charles Spencer Chaplin, mais conhecido como Charlie Chaplin (Londres, 16 de abril de 1889 — Corsier-sur-Vevey , 25 de dezembro de 1977). Chaplin foi um dos atores mais famosos da era do cinema mudo, notabilizado pelo uso de mímica e da comédia pastelão. Chaplin ficou conhecido por sua versatilidade nas artes, alguns temas musicais de seus filmes como os de O Garoto, Luzes da Cidade, Tempos Modernos e (Luzes da Ribalta) são inesquecíveis. Ele era ator, músico, cineasta, produtor, empresário, escritor, poeta, dançarino, coreógrafo, humorista, mímico e regente de orquestra. 

Chaplin

Chaplin também foi indicado ao Oscar de Melhor Roteiro Original e Melhor Ator em "O Grande Ditador" em 1940, e novamente por Melhor Roteiro Original em Monsieur Verdoux em 1948. Durante seus anos ativos como cineasta, Chaplin expressava desprezo pelos Oscars; seu filho descreve que ele provocou a ira da Academia ao deixar seu Oscar de 1929 ao lado da porta, para não deixá-la bater. Isto talvez explique porque "Luzes da Cidade" e (Tempos Modernos), considerados por várias enquetes como dois dos melhores filmes de todos os tempos, nunca foram indicados a um único Oscar. Chaplin morreu dormindo aos 88 anos de idade em consequência de um derrame cerebral, no Dia de Natal de 1977 em (Corsier-sur-Vevey), Vaud, Suíça, e foi enterrado no cemitério comunal.